quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Gestão do Conhecimento existe? (1ª parte)

Prezados
Tem sido muito comum ler e ouvir, especialmente entre consultores, algo assim: "Gestão do Conhecimento não existe, pois não se pode gerenciar o conhecimento".
É verdade que tratar o conhecimento como uma "coisa" – a ser armazenada como se fosse um bem tangível – é, no mínimo, ineficaz. Muita gente tentou e vem tentando fazer isto e os resultados foram e têm sido desastrosos. No entanto, o prejuízo que vem do discurso acima é parecer por um fim à discussão, o que certamente não acontece.
Importante é se perceber que a globalização – aliada à expansão do uso das chamadas Tecnologias da Informação e das Comunicações – e a consequente aceleração das mudanças, vêm intensificando a necessidade de melhor se compreender o conhecimento como parte da Inteligência Organizacional.
Não que antes o conhecimento não fosse fundamental ao funcionamento das empresas. A questão era como levá-lo em conta. Enquanto o mainstream da teoria econômica insistiu em considerar o conhecimento apenas como parte das faculdades intelectuais da força de trabalho, os resultados das análises sobre o desempenho das firmas e das economias dos países mostravam incoerências difíceis de sanar.
Foi a partir do reconhecimento de formas de aprendizado coletivas, learning-by-doing, learning-by-using, learning-by-interacting, etc. que o conhecimento como fenômeno organizacional começou a ser mais bem entendido.
Ao longo da história, muito se tem pesquisado sobre o conhecimento. Pode-se dizer que o Iluminismo (século XVIII) – um dos mais importantes períodos da história intelectual e da cultura ocidentais – pavimentou o caminho para formas mais apuradas de lidar com o conhecimento, em especial o científico, propiciando toda uma era de avanços, ainda hoje influenciando nossa forma de viver.
Já as pesquisas sobre o fenômeno organizacional são bem mais recentes, estando diretamente relacionadas ao surgimento de diferentes formas de arranjos organizacionais, entre os quais as grandes corporações se destacam.
Continua...
Forte abraço
Fernando Goldman


4 comentários:

Altieri disse...

Olá,Fernando

No meu entender o maior desafio
das empresas hoje, é conseguir administrar o conhecimento, criando e gerenciando processos que disseminem este conhecimento.

abraço
Altieri

Altieri disse...

Olá,Fernando

No meu entender o maior desafio
das empresas hoje, é conseguir gerenciar o conhecimento, criando e gerenciando processos que disseminem este conhecimento.

abraço
Altieri

Fernando Goldman disse...

Prezado Altieri

Eu acredito que o maior desafio das empresas é entender o que é o conhecimento no âmbito organizacional.

Forte abraço

Fernando Goldman

erisoncastilho disse...

Fernando, boa noite.
Além das empresas entenderem o que é o conhecimento, também saber disseminar essa cultura aos colaboradores de chão de fábrica.