sábado, 29 de setembro de 2007

Ensino à Distância


Gente


Fiz uma descoberta muito interessante.


O Blog do João Mattar. Além de umas informações e sacadas muito interessantes sobre viagens e EaD.
É bom saber que tem gente como o João, que ve EaD com os pés no chão, pois essa idéia pode dar excelentes resultados se bem conduzida e provocar estragos irreparáveis quando mal aplicada.

De quebra ainda achei uma foto da mesa-redonda que participei no 5° Fórum Universitário Pearson, no Rio, “Tecnologias numa universidade inovadora“, mediada por José Manuel Moran,ao meu lado no centro da mesa, e Lena Vania Ribeiro Pinheiro.
Vale a pena acessar o blog do João Mattar:http://blog.joaomattar.com/2007/09/19/v-fup-rj/#comment-4192


2 comentários:

João disse...

Fernando, acabamos não conversando durante o evento mas temos falado virtualmente.
Continuo trabalhando no blog com a sua idéia de "narração", que de alguma maneira seria ameaçada pela EaD.
Abraços

Fernando Goldman disse...

Comentário postado no Blog do João também.

João

Você anda me provocando.

Vou contar uma história meio fábula, meio lenda sobre Eduacação Corporativa.

Talvez a gente perceba que alguns problemas, que envolvem qualidade, são comuns a Educação Corporativa, Educação presencial, Eduacação à Distância e qualquer outra que mereça o nome de Educação:

Um dia, um engenheiro com muita experiência de projetos e consequentemente com enorme conhecimento tácito acumulado, resolveu que ao invés de ficar disputando cargos de gerência por critérios políticos com colegas menos preparados, ia se dedicar à Educação Corporativa em sua organização. Começou a preparar um curso de sua área, o qual ele mesmo iria ministrar, procurando assim dar aos mais novos a oportunidade de estar em contato com suas experiências de trabalho.

Ao preparar o material didático (apostila) que iria ser usada como base para o tal curso, recebeu de seus superiores a recomendação de que procurasse montar um curso que pudesse ser dado por qualquer um, já que temiam que ele não fosse se adaptar com a área de Educação Corporativa.

Eu pergunto a você ou a qualquer um que queira ajudar a entender melhor o problema:

Para que serve um curso que pode ser ministrado por qualquer um ?

Forte abraço

Fernando Goldman